França Paris

Confira as dicas sobre como entrar no mercado de trabalho na França

Foto de Susana Veja todos os posts de Susana Confira as dicas sobre como entrar no mercado de trabalho na França

*Texto enviado por Tatiana Ávila, do Grupo Mulheres do Brasil Núcleo Paris

Na quarta edição dos eventos com foco na entrada no mercado de trabalho francês, o Grupo Mulheres do Brasil Núcleo Paris promoveu, no dia 9 de julho de 2022, um atelier prático voltado para entrevistas de emprego. O encontro, realizado em parceria com a Chambre de Commerce do Brasil na França e com o movimento Étudier est imperieux, aconteceu na Maison des Associations, no 16ème, e foi mediado pela voluntária Amélia Gonzalez, que atua em consultorias e projetos de apoio.

Amélia explicou que a contratação na França é um processo bem delicado, já que as empresas tentam garantir ao máximo a escolha do melhor funcionário para a vaga. Com isso, ela conta que quem está em busca de um emprego precisa se preparar. Além disso, ela destacou que 70% da comunicação em uma entrevista é corporal, e como exercício prático, convidou as participantes do encontro a dançarem. Movimentar o corpo, segundo ela, é importante ainda para ativar o cérebro e controlar as emoções.

A consultora ressaltou que é fundamental ao candidato a uma vaga de emprego ter o máximo de informações sobre a empresa, entender qual o setor de interesse para o seu projeto profissional e, se possível, buscar saber também sobre o recrutador, buscando elementos na internet ou até mesmo com colegas ou pessoas que trabalhem naquela determinada companhia.

“Muitas vezes você descobre que tem interesses em comum com esse recrutador e isso pode ser mencionado. A maioria das pessoas demonstra interesse não em competências, mas em habilidades de comunicação e de adaptação. Assim, é muito importante ter uma visão da personalidade dessa pessoa, saber como ela se comunica”, destacou.

Uma outra dica é buscar ajuda via LinkedIn, pedindo informações sobre a empresa para outros funcionários. Foi realizado um exercício prático de como escrever essa mensagem para contatar alguém que trabalhe na companhia na qual a candidata está interessada. A iniciativa de pedir essas informações, segundo Amélia, ajuda o trabalho dos recrutadores, pois, na França, uma prática muito comum é a indicação de profissionais, que pode gerar, inclusive, lucro para quem indica.

“A ideia de pesquisar e falar com funcionários da empresa não tem o objetivo de pedir para ser contratado, mas para saber se você tem a competência para esse cargo, se a vaga é adequada para o seu perfil profissional. Quando você faz a pesquisa, sabe o que é preciso fazer para chegar no posto que almeja. É preciso ter paciência, mas quando se tem foco é mais fácil obter sucesso”, explicou.

A consultora destaca ainda que ter trabalhado em diferentes culturas é uma habilidade bastante requisitada no mercado francês. Porém, é preciso saber exatamente qual cargo equivale às funções em que você já atuou. É preciso saber os nomes corretos das funções e ter um currículo sem erros.

O workshop abordou ainda o dress code adequado para o momento da entrevista, destacando que até nesse momento vale pesquisar e se informar. “A roupa tem que transmitir a mensagem que a candidata quer passar. Cargos criativos aceitam cores fortes, mas cargos mais sérios pedem maquiagens leves e cores discretas”, destacou.

Confira mais dicas abaixo:

  • Preparar um estudo de caso para ser apresentado caso o recrutador peça.
  • Aprenda bem o francês e a cultura francesa.
  • Peça informações sobre os próximos passos após a entrevista.
  • Quando questionada sobre a pretensão salarial, o ideal é fugir de valores exatos e dizer a média que está disposta a aceitar. Mas saiba que o momento de negociar é durante a entrevista. Pesquise a média salarial paga no mercado.

Realizado pelo núcleo de Integração Social, esta série de eventos tem o objetivo de ajudar, de forma prática, as brasileiras que buscam a recolocação profissional em um novo país. Gostou das dicas, se interessou pelos ateliers? Fique atenta às redes sociais do Grupo Mulheres do Brasil Paris e não perca os próximos eventos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.